Segunda-feira, 25 de Maio de 2009

Há pessoas que adoram apaixonar-se!

Por tudo e por nada, eis que surge uma nova paixão. A propósito disto ou daquilo, vão saltitando e construindo uma filosofia muito própria. é a força, a energia, o impulso que o descobrir alguém lhes trás à vida, o sentido acrescido que cada nova paixão lhes dá, o bom que é ter sempre alguém  para partilhar ideias, programas, vidas, tempo e, o quanto é mau, nocivo, não ter alguém com quem o fazer.

Depois existem os que detestam apaixonar-se. Que fogem a sete pés da paixão, que a encaram como um perigo eminente, sentem um terror mais ou menos encoberto de deixarem de ser o que são, e como são, pela existência de um outro que lhes pede coisas e tem expectativas.Portanto, isto da paixão tanto pode ser, "Fogo que arde sem se ver" como ,"Inferno sem chama nem lava".

Mas, porque ninguém se apaixona quando já está apaixonado, e também, porque na paixão, conta pouco quem o outro é de facto; percebe-se pois que o acto do apaixonamento tem antes de mais que ver com o próprio. Apaixonamo-nos quando somos capazes, quando encontramos alguém que sirva bem o nosso desejo.Para isso é preciso estarmos afectivamente disponíveis mesmo que racionalmente não seja assim. É preciso que tal facto acarte uma certa quantidade e qualidade de sentido, capaz de nos fazer mover. Pode parecer que tal movimento é sempre em direcção ao objecto desejável mas nem sempre assim é. Por vezes o outro, é uma mera referência que está lá. Distante e intocável mas que serve ainda assim para nos investirmos a nós e nos disciplinarmos a ser mais parecidos com o que gostariamos de ser!

Parece complicado não é? mas lá que é eficaz não duvidem.

É que isto de nos apaixonarmos não é uma inevitabilidade como ter sarampo na infância, espinhas na adolescência ou ir envelhecendo um pouco todos os dias.

Muito mais que gostar ou detestar, a paixão acontece se houver  espaço para o imprevisto e para o inesperado.

 

publicado por tailleur-e-saltosaltos às 01:22

Acontece sobretudo quando nós não estamos há espera ...
Matilde a 9 de Junho de 2009 às 23:55



mais sobre mim
pesquisar
 
Maio 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
12
13
15
16

18
19
20
22
23

24
26
28
29
30



Últ. comentários
Olá simpáticoEngraçado, começamos mal né mas nada ...
Comigo nunca há "ralações". E relações só sem comp...
bom então fico feliz por não ter sido um erro de c...
Oi!Ou eu li mal..ou me expressei mal..Claro que é ...
OláComo podes ver pelo texto eu não concordo conti...
Ninguém é de ninguém....e "mai" nada..Sem "ses", "...
Bom dia Azul do céuQue bom que concordas isso é in...
Adorei este post!Concordo com cada uma das palavra...
Isto não é grande...é ser inteira!! ahahahahaBeijã...
Tinhas razão!!e mais não digo!!Ah..GRANDE MULHER!!...
arquivos